Palavra do dia #14 - HEBE

Muitos pensam em Hebe como uma matriarca da televisão brasileira, que inclusive cantou na estréia deste veículo de comunicação. Outros a imaginam como uma senhora perua, que usa muitas jóias e tem um programa na TV que apenas mulheres com idade mais avançada assistem. Ainda ouvi a história de que Hebe é ainda a amante de Silvio Santos…

Na verdade Hebe é uma palavra que vai muito além do ícone da TV. Hebe, segundo a mitologia grega é a filha de Zeus e Hera, ela é a Deusa da Juventude, uma eterna donzela que durante muito tempo serviu os Deuses do Olimpo por ser apenas uma jovem. Na mitologia, ela somente decide largar os afazeres domésticos como servir alimentos, atrelar bigas e preparar banhos depois de ser ridicularizada pelos Deuses que servia.

Hebe dançava muito ao som da lira de Apolo junto com as Musas e as Horas.

Mesmo não sendo conhecida por este fato no Oriente, Hebe casou-se com Héracles (Hércules) quando, após sua morte, foi viver no Olimpo. Conhecemos o marido, mas não a esposa…

Hebe parece ser uma Deusa fútil ligada somente a juventude, a beleza e ao lar, porém é muito mais do que isso. Um ícone da luta pelo seu espaço e de que deve-se fazer o que se deseja, mesmo que ridicularizada. Nosso ícone da TV absorveu muito da essência desta personagem, já que sua vida pessoal é pouco conhecida e seu trabalho é o que mais importa para quem a segue, além do estigma de ser “perua”. Ela assumiu o papel da Deusa e mostra a cada dia como vencer suas batalhas. Fé e força!

Nenhum comentário: